Desenvolvimento de Liderança Juvenil no Sector da Energia

March 4, 2015 | By
Vera Monteiro

youth 2Apesar de que actualmente  um grande número de pessoas vivem sem acesso a serviços modernos proporcionados pelo acesso a recursos energéticos, a energia continua a ser o fulcro de todo o desenvolvimento sustentável  a nível mundial, tendo em conta os avanços na produção de energias modernas e renovavéis que têm alimentado e desenvolvido economias industriais e não só.

Ao disponibilizar modernas e inovadoras formas de geração de energia elétrica e  a preços acessíveis, o setor da energia renovável está contribuindo para a realização dos objectivos de Desenvolvimento do Milénio das Nações Unidas com vista a redução da pobreza. E, à medida que mais pessoas se tornam consumidoras de energia, alimentando as suas casas, empresas, serviços e incorporado esses recursos na sua comunidade envolvente, a sociedade num contexto geral, seja a nível económico, social e cultural também se vai modificando.

Promovendo  cada vez  mais o uso de soluções de eficiência energética e energias renováveis, aumentam-se  as perspectivas de um desenvolvimento sustentável para o nosso futuro e das gerações que se sucedem. A questão da energia, portanto, não é simplesmente uma questão técnica mas que tem implicações globais e gerais profundas e entre os agentes facilitadores de mudança que se pretendem na utilização eficiente e racional de novas tecnologias e uso de energias renováveis, essencial para promover a sustentabilidade do desenvolvimento mundial,  a juventude tem uma palavra a dizer e pode realmente fazer a diferença.

Atualmente, cerca de 50 por cento da população mundial é composta por jovens e crianças.O entusiasmo dos jovens e sua capacidade de gerar idéias inovadoras que desafiam  e mexem com o status quo pode ser uma força catalisadora para a criação de um futuro  energético moderno e  sustentável.

A União Europeia tem vindo a enfatizar “a necessidade de todos os cidadãos desenvolverem competências para aprenderem ao longo da vida, defendendo que, no termo dos percursos de educação e de formação iniciais, os jovens possam dominar as competências-chave que os habilitem para a vida adulta”.

Os jovens são o futuro em todas as esferas de liderança e o sector energético nao poderia ser uma excepção.Deve-se criar e reforçar a capacidade dos jovens para a liderança, na criação e realização de  projetos sustentavéis a nível local, regional e internacional,  criar fóruns e demais canais de comunição que promovam a conexão entre eles  e  permita  a partilha de suas  experiencias e conhecimentos. Capacitá-los através de programas de educação científica e formações on-line e estabelecendo parcerias com organizações lideradas por jovens com projectos inovadores, no sentido de os engajar activamente na temática energética e seu contributo para um desenvolvimento equilibrado e sustentavél.

Pode-se e deve-se orientar jovens sobre questões actuais relativas ao sector da energia, para que possam se envolver activamente e contribuir na tomada de decisões sobre o desenvolvimento do sector em seus respectivos países.

Os jovens devem ser incorporados na trajectória rumo a um  desenvolvimento energético que promova igualdade, inclusão social e que melhore o bem-estar económico de todos de uma forma sustentável, por isso “let΄s catch them young”!

Leave a Reply